sábado, 13 de fevereiro de 2016

ESPECIAL DEADPOOL: "HELS, O FILME É BOM?"

Oh, hello there! Aposto que você está se perguntando o porquê do traje vermelho...
Não, pera!

Olá, pessoas! Espero que todos tenham tido uma ótima semana. O post de hoje é um pouquinho diferente do que estou acostumada, apenas a segunda vez que venho falar de filmes por aqui – mas, ainda assim, achei legal vim expor um pouco de como ando me sentindo sobre Deadpool, o atual #1 nas bilheterias, que lançou na última quinta-feira.

E, ainda, abrir o ESPECIAL DEADPOOL, que consiste em três posts que falarei sobre o personagem ao longo do mês, mas tudo se encaixando na temática do blog... Enfim, vocês verão!


Como assisti ao filme na estreia, muitas pessoas já vieram me perguntar “mas e aí, Hels, o filme é bom mesmo?” ou “compensa ir assistir?”, como se minha resposta fosse ser simples, direta e não houvesse mil coisas a se considerar.

“Mas o que se teria a considerar?” Bom, vou contar uma historinha para vocês...

Há alguns anos, quando a ideia de ter um filme do Deadpool era impensável – já que o filme estava no limbo havia anos e a Fox Studios acreditava que um filme solo do personagem seria um total fracasso – eu conheci Wade Wilson, graças a minha melhor amiga, Larissa. Inclusive, ele foi o primeiro personagem que eu simplesmente decidi ler os quadrinhos por pura vontade – sempre quis começar algo e, depois de ler as sete edições de Guerra Civil, eu queria mais... Queria personagens, mas “qual?” e “por onde começar?”... E foi com Deadpool que iniciei meu amor por HQs e comecei a entender como os quadrinhos da Marvel são organizados e divididos (além de um pouco sobre os multi-versos, eventos, ordem dos fatos, etc).

Enfim, detalhes a parte, foi nesse mesmo ano (mesma época na verdade), que o Test Footage vazou (2014). E, olha... A+ para o footage por ter despertado tantos sentimentos dentro de muitos fãs do personagem. Quer dizer que tinham mesmo tentado fazer o filme – queriam fazer, mas o estúdio não acreditava no potencial.

Seja quem for que vá para a cadeia por ter vazado aquele teste... Obrigado!
(criador do personagem)

Quando houve o vazamento, logo uma mobilização começou – um pedido dos fãs, dos produtores e, até mesmo, Ryan Reynolds, para que a Fox desse o querido “greenlight” para o filme ser feito. O alvoroço que um mero test footage causou entre os fãs foi inegável e, com a motivação generalizada, o estúdio liberou.

Vocês tem ideia do que é ter sido uma das pessoas que estava surtando no Twitter nessa época, postando links para divulgar a causa e pedindo, pelo amor de Deus, que as pessoas ajudassem para que um filme fosse produzido? Pois é, eu era uma delas. Eu e a Larissa estávamos lembrando ontem, agora que o filme está aí, pronto, em cartaz, já batendo uns recordes, emocionadas de termos feito parte disso desde o começo.

Time Pool precisa o seu 'voto' oficial de apoio. Vamos quebrar a internet.
RETWEET se você compraria um ingresso para o FILME DO DEADPOOL.

(roteirista do filme)

Coisa tola se emocionar por isso, alguns diriam, mas eu acho que estou no direito de gostar do que eu quiser, me emocionar pelo que eu quiser, então com licença, HAHA!

Aonde quero chegar dizendo dito tudo isso? Quero dizer que, para mim, como fã, como apoiadora da produção desse filme em tempo integral desde que conheci o personagem, é claro que o filme é bom. Não apenas bom, ele é um prêmio de consolação, “conseguimos!”.

“Nossa, mas era tão difícil assim ter um filme dele?” Vejam bem, o estúdio realmente não acreditava no filme. Inclusive, ele só foi possível devido a muita insistência, muito apoio dos fãs e, principalmente, do Ryan Reynolds e produtores, que lutaram mais do que ninguém para tornar isso possível. É bem fácil ver que o ator ama esse personagem tanto quanto (provavelmente mais do que) todos nós. Quando dizem que quase não tem a mão da Fox nesse filme, não é brincadeira: a força deles está no financeiro, claro, mas de resto? Não, nem um pouco. As ideias do marketing, da divulgação, isso tudo veio daqueles que tornaram tudo isso possível.

Foto: "Você perdeu... Shh, eu estou fazendo essa obra de arte"
(como o ator confirmou que faria o papel)

Aos que se perguntam por que o estúdio não acreditava no potencial do filme, a resposta é bastante simples: Deadpool não é um personagem blockbuster “para todas as idades”. Não é um herói, não é um personagem convencional. É um mercenário, que não cala a boca, que quebra a quarta parede (fala com os telespectadores), que tem uma pele estranha, que se regenera, que faz referências de tudo e mais um pouco, que fala muito palavrão e muitas outras coisas. Todos nós sabemos que na visão dos estúdios, às vezes (na maioria das vezes, na verdade), o que importa é o retorno que eles terão (financeiramente) com um filme – e eles não viam retorno com Deadpool, especialmente por se tratar de um personagem drasticamente Rated-R (até mesmo nos quadrinhos).

Seja como for, tudo deu certo no final. Superamos o obstáculo, tivemos não apenas o filme, como a tão sonhada censura ideal (para maiores de 17 anos no mundo, caindo para 16 anos no Brasil). E não vamos também nos esquecer que o filme teve cortes para ser exibido na Índia, foi banido na China e, recentemente, no Uzberquistão, não é mesmo?

Então, novamente: SIM, o filme é bom. Para mim, que esperei por esse momento pelos últimos dois anos, que tinha até um medo de como iam adaptar o personagem, eu só tenho a dizer que estou orgulhosa. O filme em si é bastante simples, poderia se passar facilmente como um filme de superheróis misturado com comédia romântica e uma dose de cabeças cortadas e referências diversas que – para quem não acompanha muito o personagem, ou até mesmo o ator – podem passar despercebidas. Muitos acharão ruim e talvez meio pesado pela quantidade de palavreados que são ditos no filme, outros acharão engraçado, porém não ser grande coisa; mas para mim, esse filme é uma realização. Foi um filme definitivamente feito para os fãs. É para ver Wade Wilson saindo dos quadrinhos e criando vida, andando, falando e se regenerando.


É isso que tenho para dizer no post de hoje. Nos próximos posts do especial, trarei algo envolvendo os quadrinhos e livro (sim! livro!) do Mercenário Tagarela.

ASSISTAM DEADPOOL, AMEM O WADE WILSON.
PEACE OUT!

16 comentários:

  1. Amei o post, Hels. Muito bem escrito e diagramado.
    Eu nunca entendi muito bem a hype do Deadpool, mesmo tendo lido várias histórias diferentes dele. Mesmo assim estou ansioso pelo filme!
    wwww.antonyou.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi, adorei o post, apesar de não ter lido e nem assistido Deadpool, ambos parecem ser bons, e também conheço muitas pessoas que adoram ambos.

    http://mysecretworldbells.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá!

    Apesar de ser fã de quadrinhos eu admito que não havia tido contato com o personagem do Deadpool pra além de tirinhas perdidas pelo universo nerd. Lembro que o que mais me chamava a atenção era o fato da Lady Deadpool ter uma roupa igualzinha a da versão masculina, e isso já dava vários pontos positivos pro desconhecido.

    Anyway, fui ver o filme e: OBRIGADA por ter feito parte dessa luta! Gostaria de ter podido contribuir, mas agora ajudei com o retorno e resta esperar por uma continuação!

    Eu também adorei o filme! A dinâmica, o protagonista, basicamente tudo! Pra mim o ponto alto foi a maneira como a personagem da Morena Baccarin foi desenvolvida (mesmo sabendo que, se pá, vai ser uma quebra de canon hehe). Pretendo escrever sobre isso em algum momento.

    De qualquer forma, parabéns pelo texto! Estou esperando pela parte 2 e 3 desse Especial Deadpool.

    Beijos!

    www.forasteras.wordpress.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Hels,sua linda, tudo bem
    É impressionante o quanto não sabemos o que está por trás de um filme. Eu confesso que não conhecia Dead Pool, mas estou super feliz por seu sonho de fã ter se realizado. Muito legal quando fazemos uma campanha saudável e conseguimos vê-la se concretizar. Eu fui ver o trailer e achei realmente bem diferente e engraçado. Vou anotar a sua dica e procurar o filme. Sua postagem ficou ótima.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá!

    Adorei o post! E até entendi porque um montão de gente estava tão ansiosa pelo longa. Eu não sou muito chegada nos filmes da Marvel, mas estou curiosa por Deadpool justamente por não ser a história clichê de um herói, como você bem disse. Espero gostar da obra!

    Beijos!
    Participe do Sorteio de Carnaval
    http://www.mademoisellelovesbooks.com/

    ResponderExcluir
  6. Hels, dá pra sentir todo o seu amor pelo personagem e todo o orgulho e emoção que você sentiu com a realização desse filme. Só quem é fã, quem acompanha tudo lá do início, conhece e entende esse sentimento.
    Eu gostei muito do filme. Achei hilário e gostei muito da construção e desenvolvimento que deram ao personagem. Porque como você mesma disse, algumas pessoas vão achar que é só mais um filme mais ou menos cheio de palavrões para fazer as pessoas rirem. Mas o Wade tá lá, do jeitão dele, mostrando que ele ama e sofre, sim. O personagem é incrível e fiquei muito curiosa para ir mais a fundo na história dele.

    Beijo
    www.blogrefugio.com

    ResponderExcluir
  7. Oi Hels!
    Adorei o post.
    Tive o prazer de assistir o filme sexta-feira e olha, foi realmente muito divertido!
    Acho que gostei principalmente por ele não ser o típico mocinho hahahaha me conquistou :P
    Bjos

    http://paraisodasideas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oiiie
    estou ouvindo falar muito sobre o filme mas realmente não despertou minha curiosidade por se de um gênero que não sou muito fã, ótima resenha

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Eu vou assistir nesse final de semana e estou enlouquecendo completamente nessa espera!!! Como não amar? COMO?!?!?!?! Eu só queria saber quem vazou o teste para que eu possa mandar flores e chocolates hahahahaha…

    Bjs.

    http://ciadoleitor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Olá, Hels!
    DEADPOOL AAHHHH AMO <3 Primeiramente parabéns pelo post maravilhoso e super bem escrito! Segundo, mulher eu estou para parir de tanta ansiedade para assistir esse filme haha Esperei muito e estou com altas expectativas. Espero não ser decepcionada e amei saber que vale a pena ver!
    Beijos, Garota Vermelha
    www.livrosdagarotavermelha.wordpress.com

    ResponderExcluir
  11. Oii, Hels!
    Sou leiga no mundo das HQs, por isso não posso questionar a fidelidade do herói e do filme. Quero muito assistir a adaptação, mas por ser o tipo de filme que me atrai, sabe? É lindo quando algo que sempre esperamos acontece, né? *o*
    apenasumaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi, Hels! Tudo bem? O que você tá fazendo? Um jogo comigo, garota? Apenas observando essas pessoas que já assistiram o filme fazendo pouco de quem ainda não viu! rs Brincadeiras à parte, gostei muito do post e de seus comentários a respeito de Deadpool. Agora fiquei com ainda mais vontade de conferir o longa! XD

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi Hels, tudo bem?
    Olha, não me atire pedras, mas antes de o filme começar a repercutir eu nem sabia quem era Deadpool. Na verdade eu ainda fico boiando nesse assuntos, já que nunca assisti a filmes de super-herois nem li as HQs.
    Mas pretendo mudar isso esse ano e entrar mais para esse universo.
    Beijos, http://lendocomabianca.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Oie, tudo bom?
    Adorei seu post e respondeu muitas dúvidas sobre esse filme. Não sabia que tinha rolado essa mobilização, mas valeu a pena porque assisti ao filme na terça-feira e me diverti horrores. Ele é um anti-herói e corria o risco de não agradar todo mundo, mas o filme ficou top, leve e despretensioso.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. hahahahahaha que feliz quando uma coisa que a gente gosta tanto se torna realidade, né, Hels?
    Eu fui conhecer o personagem naquele filme do X-Men, mas ele era muito diferente...aí eu vi o trailer dessa versão do Deadpool e achei muito cômico! hahaha
    Eu veria apenas por divertimento, já que, como você sabe, sou leiga ao cubo quando se trata do universo dos quadrinhos, mas não tenho dúvida de que o filme é um ótimo entretenimento! E eu li que de repente ele vai ter um namorado em uma provável sequencia, né? hahahahah Achei hilário!

    Beijo
    - Tamires
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bem?
    Adorei seu post!
    Não sei muito sobre o personagem, na verdade o conheci apenas por causa do filme que ainda não consegui assistir, mas só o fato dele não ser convencional, falar palavão e ser tagarela já é suficiente para eu gostar dele!
    Bjs

    ResponderExcluir