sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

RESENHA: POR QUE ACEITEI AQUELE PEDIDO?

OLÁ, PESSOAS! Acabei, sim, atrasando a maior parte do meu planejamento deste mês, mas acho que essas coisas acontecem, não é mesmo? Como andam as leituras de vocês? Espero que melhores que as minhas (ando tão lenta que está ficando complicado). Mas chega de conversa que hoje eu vim falar sobre um conto extremamente adorável, escrito por Renata Varela. Vocês devem conhecer o blog dela, não?

Lilly não quer se casar. Idealiza uma vida de viagens, liberdade e sem compromissos. Mas não precisa estar sozinha; Não. Don, seu namorado desde os tempos da faculdade, está em seus planos para o futuro, mas como um namorado tranquilo, conhecendo o mundo juntos e morando em apartamentos separados. Só que Don quer outra coisa.
Na noite de ano novo, com mais de cinquenta pessoas de testemunha, Don se ajoelha e... pede Lilly em casamento. Em pânico, sem saber como rejeitar um pedido tão genuíno, ela acaba dizendo "sim", mas se arrepende profundamente quando percebe que a vida de casada não é para ela, e começa a se fazer a pergunta: Por Que Aceitei Aquele Pedido?
Estou aqui encarando a tela do notebook tentando pensar como vou colocar em palavras o alívio que senti ao ler esse conto. Alívio, este, que nem sabia que estava precisando – faz pouco mais de um mês que não ando conseguindo ler direito (eu tento, juro que tento), mas são tantas coisas para fazer que acabo colocando minhas leituras de escanteio. O que eu não imaginava era que, na verdade, estava precisando de algo que capturasse minha atenção o suficiente para que saísse desse bloqueio. E esse conto fez exatamente isso.

Finalmente parando um tempo e me excluindo do planeta Terra por algumas horas, comecei e finalizei Por Que Aceitei Aquele Pedido?. Já adianto que: fãs de chick-lit, vocês deveriam ler esse conto!

O quê? No alto de uma colina? Eu jamais me casaria num precipício.
Não quero pensar que posso me jogar de lá depois dos votos de casamento.

O conto se dá início com Lilly já comentando como foi aceitar o pedido de casamento, proposto por seu namorado, e como sua reação é exatamente oposta ao esperado – diferente do que muitos pensam, que esse é o evento que toda mulher almeja. Apesar de ter aceitado, cada menção ao fatídico pedido ou aos preparos para o “tão esperado dia” desencadeia em ataques de pânico na protagonista. Afinal, por que diabos ela aceitou o pedido então?

Isso é explicado ao longo do enredo, mas acredito que todos já sabemos o que leva uma pessoa a fazer algo que não planejava ou quer: para agradar outra pessoa. E, vamos aos fatos, um “não” a um pedido de casamento normalmente soa muito pior do que realmente é: aos que tanto o querem, pode soar como uma negação de que a pessoa não quer estar ao seu lado (o que nem sempre é verdade, vamos combinar).

Lilly, que já se demonstra bastante indecisa até na hora de escolher uma carreira, antes de finalmente se aquietar em Educação Física e acabar como professora de natação, é uma das poucas personagens que eu realmente me relacionei sem termos muito em comum (senão o pensamento sobre ser livre e casamentos). Ao longo da história conseguimos entender o lado dela e o fluxo de pensamentos que a levam a diferentes decisões e reações, além de – é claro – como ela afeta Don, o noivo, sem nem mesmo se dar conta.

Citando um importante personagem de um ótimo seriado americano:
“A mentira é apenas uma grande história, que alguém arruinou contando a verdade”.

Uma coisa que gostei muito no conto é como há uma história secundária – a da melhor amiga da protagonista, Rachel – e como ela também tem uma conclusão, coisa que raramente acontece em alguns contos (e até mesmo livros), em que personagens secundários (ou terciários) surgem, desaparecem sem mais, nem menos e mal sabemos mais o que aconteceu com eles.

POR QUE ACEITEI AQUELE PEDIDO?, Renata Varela
Amazon E-Books, 2016

Prós: personagens bem construídos (para um conto), enredo bastante realista e cômico, leitura rápida, ótimo para tirar as famosas ressacas literárias (ou qualquer tipo de bloqueio).

Contras: alguns poucos erros de digitação e gramática, mas nada que atrapalhe muito, ser curto (haha).

NOTA:
★★★★★

É realmente difícil resenhar um conto sem dar spoilers, ainda mais quando se trata de algo tão cotidiano e realista, coisa que poderia acontecer com qualquer pessoa – um conhecido, um amigo ou nós mesmos. Mantive a nota como cinco estrelas, mas sou bastante suspeita – eu adoro um chick-lit e adoro algo que me faça rir como esse conto fez.

Obrigada, Renata, por ter disponibilizado o conto para leitura e resenha. Como não havia lido nada dela (ainda), definitivamente me surpreendi e mal posso esperar para ler mais!

ESSE CONTO FAZ PARTE DA LISTA PARA O PROJETO
#SOMOSTODOSNACIONAIS!
JÁ ESTÁ PARTICIPANDO?

17 comentários:

  1. Contos são sempre tão deliciosos de ler.
    Seja ele qual for.
    O que me chamou atenção foi tu ter dito que existe uma história secundária na trama, adoro personagens que são desenvolvidos ao longo da história.

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  2. Ainda não conhecia o blog da Renata, estou dando uma curiada aqui.
    Adoroooo contos, então esse acho que não vai ser muito diferente. Ainda mais esse que fala da vida de casada, fiquei curiosa pra ler, pois pra ser sincera não tenho o que reclamar da minha vida de casada rs (mais meu casamento é um pouco atipico).
    Quem sabe eu não dou uma lida em breve rs!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oooi, ameeei sua resenha!
    O conto parece ser ótimo. Engraçado, divertido... E me diga, como não amar um chick-lit? Haha
    Beijos!
    www.estantemineira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oie
    que legal o conto parece ser, pena que só leio livros físicos mas curti bastante o enredo e espero poder ter tempo de ler e curtir

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oiii
    Te entendo perfeitamente sobre resenhas contos, estou com 6 para resenhar e estou enrolando kkkkkkkkkkkk Eu gosto muito de ler contos após livros pesados, leria com toda certeza este!
    Beijão

    ResponderExcluir
  6. Oi...
    Adorei sua resenha! E adorei ainda mais o livro rsrs...
    A Renata escreve sobre assuntos muito legais e tem tudo pra fazer muito sucesso futuramente.
    Beijos

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Hello!

    Opa sou fã demais de Chick lit e fiquei interessada com a sua recomendação.
    Não vi nenhuma resenha sobre "Por Que Aceitei Aquele Pedido?" e fiquei interessada ao ler mais sobre ele aqui.
    Que bom que os personagens são bem construídos, acho essencial para o bom desesvolvimento da historia.
    Gostei da indicação!

    LIVROS E SUSHI - https://livrosesushi.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  8. Não conheço a Renata, mas só pelo que você falou do conto já a considero pacas.
    Amo contos e esse parece ser incrível, ainda mais que tem começo meio e fim até de personagem secundário.
    Vou atrás com certeza.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  9. Oiee Hels,
    Adorei o conto da Re, quero muito ler os outros dela <3

    Abraços!
    http://lendocomobiel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi Hels!
    Eu fiquei apaixonado quando li esse conto. Gostoso demais, né? Os personagens também. Em relação ao primeiro livro da Renata esse conto mostra muito bem a evolução da Rê na escrita e desenvolvimento do enredo.

    Um Bjão.
    Diego, Blog Vida & Letras
    www.blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Contos ♥
    ai que vontade de largar tudo e ler!
    Vou ver se consigo ler no finalzinho de semana!
    Beijos, Lali
    Cantinho da Bruna

    ResponderExcluir
  12. Olá, Hels!
    Adoro contos assim deliciosos e divertidos haha Pelo visto a Rê acertou muito ao escrevê-lo! Pretendo lê-lo ainda essa semana!
    Beijos, Garota Vermelha
    www.livrosdagarotavermelha.wordpress.com

    ResponderExcluir
  13. Oie, tudo bom?
    Você falou chick-lit? Amo esse gênero e fiquei curiosa com esse conto. Vou salvar seu post para conferir depois. Achei curioso e engraçado ela ficar pensando porque aceitou o pedido de casamento.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi
    Eu comprei esse conto esses dias, mas ainda não li, espero gostar da história assim como você, parece ser bem divertido,

    http://momentocrivelli.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Achei incrível o conto e seu blog. Primeira vez aqui.
    http://blogmichaelvasconcelos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oii, Hels!

    Adorei sua resenha, só fiquei mais curiosa para ler o conto. E essa era a "luz" que eu precisava, passei o mês inteiro sem ler nada, nada me cativa fielmente e estou precisando de uma leitura que me envolva por inteiro.

    Beijo!
    apenasumaleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Oi Hels,
    também li um conto da Renata, por esses dias. Esse ainda não li, mas será um dos próximos, pois parece super leve e divertido mesmo.
    Bjs*.*
    MaH

    O que disse, Alice?

    ResponderExcluir